trabalhadores3

Trabalhadores de Suape decidem continuar com a greve

Proposta de 8% feita pelo Sinicon não foi aceita pelos trabalhadores. Nesta terça-feira (12), será realizada mais uma assembleia.

Diante da proposta apresentada pelo patronato, oferecendo um reajuste salarial de apenas 8%, os trabalhadores da Refinaria e Petroquímica de Suape decidiram nesta segunda-feira (11) continuar com a greve. Amanhã (12), acontece mais uma assembleia coordenada pelo Sindicato dos Trabalhadores das Indústrias de Construção de Estradas, Pavimentação e Obras de Terraplenagem em Geral no estado de Pernambuco (Sinteapav/PE). Espera-se que uma nova proposta seja apresentada pelo Sindicato Nacional da Indústria da Construção Pesada (Sinicon).

O Sintepav-PE está na luta pelo reajuste salarial de 13%, aumento do valor da cesta básica dos atuais R$ 310 para R$ 408 e pagamento de adicional de periculosidade de 30% sobre o valor do salário.

Foto: Maiara Melo